Viajando No Mundo dos Contos de Fada

Viajando No Mundo dos Contos de Fada

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Projeto de Intervenção

Projeto de Intervenção

O que é um projeto de intervenção? É um projeto que será inserido a um projeto político – pedagógico sistematizado e que precisará apenas ser revisado a fim de que contemple um tema.

Algumas orientações para a elaboração de um projeto de intervenção

Tema (de acordo com o conteúdo) -             A indicação da temática a ser trabalhada, tem que refletir a necessidade a ser superada.

Justificativa (porque vale a pena trabalhar com projetos na escola?) - É o que transmite a dimensão do que vai ser trabalhado.

Situação Problema - dificuldades referentes à temática, que poder ser discutida/solucionada, por meio de intervenção pedagógica.

Público Alvo - indica o segmento, ou o ano/série, turma ou o grupo de alunos e/ou professores com o qual se vai trabalhar.

Objetivos (o quê o projeto pretende discutir, verificar, solucionar, alcançar...) - consta de duas partes: o que se vai fazer, o que é a indicação do que se pretende alcançar, a finalidade.

Embasamento Teórico - textos com base no conteúdo estudado que faça referência ao tema escolhido, à situação-problema que se quer discutir e os objetivos a serem alcançados.

Percurso Metodológico - o que envolver como caminhos a serem trilhados para alcance dos objetivos pretendidos – atividades, estratégias, habilidades, trato interdisciplinar, envolvimento dos segmentos da escola, construção coletiva.

Recursos - disponibilidade de material, tanto física como humana são os recursos que torna exequíveis o projeto.

Cronograma de atividades - dando um caráter efetivo, fazendo parte do currículo da escola e, não apenas de um calendário de eventos.

Avaliação - é um procedimento que mostra se o que está sendo desenvolvido avança na direção dos objetivos. A avaliação é constante e mostra como vai indo o desenvolvimento do projeto.


A avaliação significativa se faz no próprio processo, como parte dele, enquanto ele se desenvolve, sem que, para isso, se deva sempre realizar uma parada formal. (Gandin, 2000)

Nenhum comentário:

Postar um comentário