Viajando No Mundo dos Contos de Fada

Viajando No Mundo dos Contos de Fada

quarta-feira, 1 de março de 2017

Roteiro de EJA :Fevereiro



Secretaria de Educação Cultura e Desporto
Praça 29 de Dezembro nº 57


Escola  e Convivência



Valdinere Alves dos Santos
  Fevereiro de 2017
  
                                      




                                                  ESCOLA E CONVIVÊNCIA

A escola é fundamental para o aprendizado, é a base da vida, tanto profissional como social. “O ambiente escolar oferece interação com o mundo, socialização, troca de conhecimento e, sem dúvida, a busca de aprendizagem. Esse é o verdadeiro papel da escola”.

FÁBULA DA CONVIVÊNCIA
Durante uma era glacial muito remota, quando parte do globo terrestre estava coberto por densas camadas de gelo, muitos animais não resistiram ao frio intenso e morreram, indefesos, por não se adaptarem às condições de clima hostil.Foi então que uma grande manada de porcos espinhos, numa tentativa de se proteger e sobreviver, começou a se unir, ajuntar-se mais e mais.
Assim, cada um  podia sentir o calor do corpo do outro. E todos juntos, bem unidos, agasalhavam-se mutuamente,aqueciam-se enfrentando por mais tempo aquele inverno tenebroso.
Porém, vida ingrata, os espinhos de cada um começam a ferir os companheiros mais próximos, justamente aqueles que lhes forneciam mais calor vital, questão de vida ou morte.E afastaram-se, feridos, magoados, sofridos. Dispersaram-se por não suportar mais tempo os espinhos de seus semelhantes.
Doíam muito... Mas essa não foi a melhor solução. Afastados, separados, logo começaram a morrer.Os que não morreram voltaram a se aproximar, pouco a pouco, com jeito, com precauções, de tal forma que, unidos, cada qual conservava uma certa distância do outro, mínima , mas o suficiente para  conviver sem ferir, para sobreviver sem magoar, sem causar nenhum  dano recíproco.Assim suportaram-se resistindo à era glacial. Sobreviveram.
É fácil trocar palavras, difícil é interpretar o silêncio!
É fácil caminhar lado a lado, difícil é saber como se encontrar!
É fácil beijar o rosto, difícil é chegar ao coração!
É fácil apertar as mãos, difícil é reter o seu calor!
É fácil sentir o amor, difícil é conter a sua torrente!
“Todos nós somos anjos de uma asa só e, para voarmos precisamos estar abraçados uns aos outros”.
Autor: Antônio Carlos Caio Viegas


FÁBULA DA CONVIVÊNCIA

Durante uma era glacial, muito remota, quando parte do globo terrestre esteve coberto por densas camadas de gelo, muitos animais não resistiram ao frio intenso e morreram, indefesos, por não se adaptarem às condições do clima hostil. Foi então que uma grande manada de porcos-espinhos, numa tentativa de se proteger e sobreviver, começou a se unir, e juntar-se mais e mais. Assim, cada um podia sentir o calor do corpo do outro  .E todos juntos, bem unidos, agasalhavam-se mutuamente, aqueciam-se enfrentando por mais tempo aquele inverno tenebroso.
Porém, vida ingrata, os espinhos de cada um começaram a ferir os companheiros mais próximos, justamente aqueles que lhes forneciam mais calor, aquele calor vital, questão de vida ou morte e afastaram-se feridos, magoados, por não suportarem mais tempo os espinhos dos seus companheiros.
Doíam muito...Mas, essa não foi a melhor solução: afastados, separados, logo começaram a morrer congelados, os que não morreram voltaram a se aproximar, pouco a pouco, com jeito, com precauções, de tal forma que, unidos, cada qual conservava uma certa distância do outro, mínima, mas o suficiente para conviver, resistindo à longa era glacial.
Sobreviveram...É fácil trocar palavras, difícil é interpretar os silêncios!
É fácil caminhar lado a lado, difícil é saber como se encontrar! É fácil beijar o rosto, difícil é chegar ao coração! É fácil apertar as mãos, difícil é reter o seu calor! É fácil sentir o amor, difícil é conter sua torrente!
Que possamos nos aproximar uns dos outros com amor e serenidade de tal forma que nossos espinhos não firam as pessoas que mais amamos tanto no trabalho, na escola, na igreja, em casa ou na rua.
Interpretando
1) Com base na leitura do texto acima assinale V para verdadeiro e F para falso:
(    )Essa fábula da convivência mostra que todos têm dificuldades.
(    )Ninguém consegue conviver dando espinhadas uns nos outros.
(    )A melhor solução para os problemas dos porcos-espinhos foi separarem-se.
(   )Os animais morreram no início por não se aliarem aos porcos-espinhos.
(    )Os animais ficaram indefesos por não conseguirem se acostumar com a mudança de temperaturas.
(   )Esse texto demonstra claramente que os seres humanos, semelhantes ao animais, precisam aprender a aceitar as diferenças.
(    )Esse texto mostra que os animais conseguiram sobreviver graças aos espinhos que tinham no corpo.
(    )Os espinhos mencionados aqui são como nossas falhas junto aos outros.
(    )Esse texto também mostra que todos são imperfeitos e cheios de falhas.
(    )Ninguém pode viver completamente juntos, assim, segundo o texto, morrerão.
2) Responda o que se pede sobre o texto:
a) Qual o motivo que fez com que os animais morressem no início do texto?
____________________________________________________________________________________________
b) Quem sai mais ferido quando todos ficam junto demais?
________________________________________________________________________________ .
c) “É fácil beijar o rosto. O que é que é difícil?
________________________________________________________________________________ .
d) O que seriam os nossos espinhos?
______________________________________________________________________________



ESCOLA ESPAÇO E CONVIVÊNCIA
·         Identificação das pessoas suas funções no ambiente escolar;
·          Conhecer o espaço físico e a rotina da escola;
·          Construção da própria imagem e da identidade;
·          Valorização positiva da própria identidade;
·          Elaboração oral e coletiva de regras de convivência.
·         Nomear a professora, funcionários e colegas;
·         Representar através de arte gráfica A ESCOLA QUE TEMOS em um lado da folha e A ESCOLA QUE QUEREMOS no outro lado.
·         Elabora um cartaz com o tema : O QUE FAZ UM BOM ALUNO Reflexão: Será que temos contribuído para a Escola que queremos?
·         Cidadania (o que é?)
·         Diálogo sobre respeito: escola, família, comunidade (  pesquisa e textos referentes ao assunto)
·         Mensagem: O Lobo Mau o Lobo Bom (valores  internos. Lobos internos.
·         Dinâmica na sala: O feitiço virou contra o feiticeiro (o que não queres pra si não faz para o outro).
·         Diálogo sobre a Boa Convivência
·         O que são valores? Valores “universais” nas diferentes culturas.
·         Tolerância :  Formas de “utilizar” os bons valores no dia-a-dia escolar e em sociedade

Para Conviver  Na Escola é necessário:

·         Bons modos ; Obediência ;Disciplina ;Abraçar ;Responsabilidade ;Cuidado ;Ajudar ;Paciência Compartilhar ;Cooperação ;Amor ;Companheirismo; Honestidade
          - Pedir desculpas = Estimulando o senso de justiça
          - Dar bom dia = Estimulando a generosidade
          - Dizer obrigado = Estimulando a dignidade 
CONTRATO DE CONVIVÊNCIA PARA O PRIMEIRO DIA DE AULA.

·         Respeitar o horário para início e término da aula.
·         Obedecer ao horário de intervalo (Inicio e fim).
·         Usar sempre os termos de cumprimentos.
·         Respeitar a todos, dentro da Escola e fora dela.
·         Ajudar uns aos outros.
·         Aguardar a sua vez para falar.
·         Não interromper o colega ou o professor quando eles estiverem falando.
·         Expressão de amizade: forma-se um círculo. Quem começa, olha para o colega da direita e diz “ amo o meu colega com A, porque ele é... ( e diz um adjetivo que comece com a letra A). A jogo prossegue com todas as letras do alfabeto.

















 A LENDA DO LOBO BOM X LOBO MAU

Uma noite, um velho índio falou ao seu neto sobre o combate que acontece dentro das pessoas. Ele disse: A batalha é entre os dois lobos que vivem dentro de todos nós. Um é Mau. É a raiva, inveja, ciúme, tristeza, desgosto, cobiça, arrogância, pena de si mesmo, culpa, ressentimento, inferioridade, mentiras, orgulho falso, superioridade e ego.
            O outro é Bom. É alegria, fraternidade, paz, esperança,serenidade, humildade, benevolência, empatia, generosidade, verdade, compaixão e fé. O neto pensou nessa luta e perguntou ao avô: Qual lobo vence? O velho índio respondeu:Aquele que você alimenta!”
Essa historinha é muito simbólica. Os dois lobos são as nossas emoções positivas e negativas. Essas nossas emoções são causadas pela nossa forma de pensar, portanto, o lobo que alimentamos é uma escolha nossa.
Às vezes temos a impressão que o mundo nos virou as costas e que todas as coisas ruins só acontecem conosco, no entanto isso pode não ser uma verdade absoluta, mas como nós entendemos os fatos.
Se pensarmos que as pessoas são ruins e que querem nos prejudicar, enxergaremos o mundo com essas lentes e provavelmente encontraremos evidências que reforcem essa ideia, mesmo que ela não seja verdade. Essas ideias negativas nos proporcionarão emoções negativas de tristeza, raiva,vingança ….
No entanto, mesmo tendo vivenciado algo ruim podemos entender que foi um azar, ou que as pessoas que nos proporcionaram algum mal, não o fizeram intencionalmente…
Se pensarmos assim estaremos flexibilizando nossos pensamentos e alimentando o nosso lobo bom que nos trará emoções positivas.
Essa atitude nos proporcionará um círculo virtuoso. Pensar bem nos faz sentir bem e agir bem. Que tal experimentar alimentar o lobo bom dentro de você.





                                      VALE A PENA PENSAR...
_ Na sua experiência, trabalhando com jovens e adultos, que motivos têm os alunos para chegar à escola? E para deixar?
_ Você já perguntou aos seus alunos o quê eles procuram na escola? O que representa para eles a retomada da escolarização? Que dificuldades encontram, dentro e fora da escola, para concluir seus estudos? De que maneira você atua no sentido de proporcionar um acolhimento a esses alunos, em sua chegada à escola?
_ Que trabalho a escola de EJA precisa fazer para que os alunos nela permaneçam e concluam seus estudos?Esta é uma pequena e importante investigação, que pode contribuir bastante para as mudanças que cada escola deve imprimir em sua forma de trabalhar, para garantir um encontro mais efetivo entre ela e seus alunos.Quais são, então, nossos principais desafios? Construir uma escola na quais professores e alunos encontre-se como sujeitos com a tarefa de provocar e produzir conhecimentos. Conhecimentos sustentados na perspectiva daqueles que aprendem, relativos a saberes diversos e que contribuem, efetivamente, para a vida dos alunos.
Os jovens e adultos buscam na escola, sem dúvida, mais do que conteúdos prontos para serem reproduzidos. Como cidadãos e trabalhadores que são, esses alunos querem se sentirem sujeitos ativos, participativos e crescer cultural, social e economicamente.
Para você refletir:
Os conteúdos que você elege para trabalhar com seus alunos correspondem às necessidades reais deles?Que participação têm seus alunos no planejamento que você faz para o trabalho com eles?O que seus alunos aprendem, de alguma maneira, transforma seu modo de ver e atuar na comunidade que vivem?
TEMA GERADOR :
“EU, QUEM SOU?”SUBTEMAS
Tenho um nome
_ conversa de apresentação; como eu sou, o que faço, onde moro, de onde vim...Tenho um corpo aspectos físicos;
_ marca da família: papel da hereditariedade.Tenho um jeito de ser
_ aspectos psicológicos (o jeito de cada um): tímido,falante, calmo, agitado.As coisas que me agradam

LEITURA E ESCRITA

_ escrita dos nomes no crachá; escrita dos nomes no caderno; procura do significado dos nomes;
_ história dos nomes;comparação entre os nomes da sala;nomes parecidos
_ procura de figura semelhante com explicação da escolha; partes do corpo
(escrita: cabeça,tórax, pernas,braços);
_ figura do rosto (escrita das suas partes: olhos, boca,sobrancelhas, nariz e orelha).
Descrição física(sorteio e descrição do sorteado)
_ lista do que dá prazer; formas de lazer;festas populares.

TEMA GERADOR “EU, QUEM SOU?” SUBTEMAS
Meus medos _ discussão do texto.
Minha documentação
_ principais documentos: Carteira de identidade;Certidão de nascimento;
_ Carteira de trabalho;Título de eleitor.
_ onde e como tirar documentos preço dos documentos
LEITURA E ESCRITA
Leitura: Todo tem nossos medos
_ lista de medos;_ os medos na roça; os medos na cidade.
_ carteira de identidade, carteira profissional,
certidão de nascimento,certidão de casamento...
_ carteira de identidade: localização do próprio nome, nome
dos pais, data e local do nascimento, número da carteira;
_ Leitura: É fácil tirar os documentos; A importância da assinatura.
A leitura e escrita dos dados da carteira de identidade nos mapas do grupo
A confecção de quadros com referências dos alunos pode favorecer a construção da identidade da sala de aula. Cada aluno organiza um quadro onde apresenta seu perfil, com dados do tipo:
_  ano em que nasceu;estado de origem;cidade natal;estado civil;bairro ou vila onde mora;quantos filhos tem?
_ trabalhos que já realizou; o que sabe fazer;o que gostaria de aprender;como gosta de descansar;

Nenhum comentário:

Postar um comentário