Viajando No Mundo dos Contos de Fada

Viajando No Mundo dos Contos de Fada

sexta-feira, 28 de abril de 2017

TEXTOS INSTRUCIONAIS

CONTEÚDO: GÊNERO TEXTUAL: TEXTOS INSTRUCIONAIS – RECEITAS CULINÁRIAS


OBJETIVOS ESPECÍFICOS



  • Identificar letras, sílabas, palavras e frases, distinguindo-as;
  • Ampliar o volume de escrita e o vocabulário;
  • Reconhecer nomes de marcas reconhecidas;

RECURSOS DIDÁTICOS:
  • Caderno, lápis;
  • Lousa, giz;
  • Ingredientes para a receita.

DESENVOLVIMENTO



1ª aula



Em uma roda de conversa explorar com os alunos o assunto. Interrogá-los sobre suas receitas preferidas, quais fazem com freqüência, como adquiriram a receita, entre outros.



Pedir aos alunos que tragam receitas de casa.







2ª aula



Explorar com os alunos as receitas;



Escolher uma receita e copiá-la na lousa;



Ler em voz alta;



Pedir para que leiam, observando cada ingrediente utilizado;



Trabalhar com os alunos as letras, sílabas, palavras e frases;



Focar o modo de fazer e tempo de preparo;



Pedir aos alunos para que tragam na aula seguinte os ingredientes para que seja elaborada a receita.

3ª aula



Copiar novamente a receita na lousa;


Colocar o nome da dona da receita;



Pedir para que os alunos copiem a mesma;



Ler em voz alta;

A dona da receita fará a mesma na sala de aula;
Focar os ingredientes utilizados;



Trabalhar com o nome das marcas dos produtos;



Explorar o modo de fazer;







4ª aula.



Explorar a matemática, utilizando a receita. Se eu for dobrar a receita, qual será a nova quantidade de cada ingrediente?



Montar situações problemas.







5ª aula.



Trabalhar a origem de cada ingrediente. Origem animal, vegetal, mineral.







6ª aula.



Montar com os alunos um caderno específico de receitas, onde uma vez por semana um aluno trará uma receita. A professora copiará no quadro e os alunos copiarão em seus respectivos cadernos, confeccionando ao longo do ano letivo o seu caderno de receitas.



A cada 15 dias uma receita será elaborada em sala de aula.







AVALIAÇÃO



A avaliação acontecerá mediante observação da participação e envolvimento dos alunos na realização das atividades.







SEQUÊNCIA DIDÁTICA 2



ESCOLA:



ANO: EJA I SEGMENTO



DURAÇÃO: OITO AULAS



DISCIPLINA: INTERDSICIPLINAR







CONTEÚDO: GÊNERO TEXTUAL - BULA







OBJETIVOS ESPECÍFICOS



  • Conhecer um novo gênero textual;
  • Utilizar a bula como fonte de palavras geradoras;
  • Ampliar o vocabulário;
  • Mostrar a importância da leitura da bula;







RECURSOS DIDÁTICOS



  • Bulas;
  • Plantas medicinais;
  • Farmacêutico;
  • Membro da Pastoral da Saúde;
  • Lousa, giz;
  • Letras de músicas;
  • Laboratório de informática;







DESENVOLVIMENTO







1ª aula



Em uma roda de conversa indagar os alunos sobre:



  • O que sabem sobre a bula;
  • Se antes de iniciar uma medicação fazem leitura da bula;
  • Se fazem uso medicação sem orientação médica;
  • Se conhecem o significado de todas as palavras que aparecem na bula;

2ª aula

Trabalhar com palavras geradoras referentes a bula.

3ª aula
Palestra com um farmacêutico (bula) e com um membro da Pastoral da Saúde (plantas medicinais).

4 aula



Solicitar que cada aluno pesquise na internet uma planta medicinal. Em seguida cada aluno irá elaborar uma bula colocando os passos necessários.







5ª aula



Exploração das bulas elaboradas (correção)







6ª aula



Elaboração de situações problemas envolvendo as posologias.







7ª aula



Produção de paródias com tema “Bulas” em grupo.







8ª aula



Apresentação das paródias







AVALIAÇÃO



Acontecerá mediante observação, analisando a participação e interesse dos alunos nas atividades propostas.







ATIVIDADE 3







Explorar textos regras de jogos.



  • Interrogar os estudantes sobre um jogo que gostam, verificando o que tem maior aceitação entre a turma;
  • Perguntar se sabem as regras deste jogo;
  • Anotar na lousa as regras faladas por eles;
  • Criar com a turma um jogo e consequentemente as regras para o mesmo;
  • Fazer um campeonato na escola explorando o jogo criado, envolvendo outras turmas;



























































































RELATÓRIO DAS DIFICULDADES ENCONTRADAS







Encontramos muitas dificuldades ao elaborar as sequências, pois não temos experiências com esse tipo de alunado. Somente neste período é que fomos conhecer um pouco sobre essa modalidade de ensino.







Durante o curso tivemos disciplinas que focaram práticas educativas voltadas para crianças. Em nossa região, como pudemos perceber na visita a EEEF Liberal Zandonade, tem pouca oferta desta modalidade de ensino. Mesmo tendo muitos jovens e adultos sem escolarização, poucos voltam a estudar.







Educar jovens e adultos não é apenas ensiná-los a ler e escrever seu próprio nome. É oferecer-lhes uma escolarização ampla e com mais qualidade. É papel do professor, especialmente do professor que atua na EJA, compreender melhor o aluno e sua realidade diária. Enfim, é acreditar nas possibilidades do ser humano, buscando seu crescimento pessoal e profissional, pois como afirma ARBACHE (2001, p.19) A educação de jovens e adultos requer do educador conhecimentos específicos no que diz respeito ao conteúdo, metodologia, avaliação, atendimento, entre outros, para trabalhar com essa clientela heterogênea e tão diversificada culturalmente.





Nenhum comentário:

Postar um comentário