Viajando No Mundo dos Contos de Fada

Viajando No Mundo dos Contos de Fada

sábado, 15 de julho de 2017

identificar o tema de um texto

Interpretação de texto: identificar o tema de um texto

1) Leia
O pássaro mais falante
Está cansado de falar com as paredes? Arrume então uma papagaio-cinza -africano, a ave mais falante do planeta. Com média de 36 centímetros de altura e o corpo cinza-chumbo, penas mais clara na face, bico preto rabo vermelho, ele vive normalmente em florestas savanas e mangues.
Destaca-se por sua extraordinária capacidade de mudar o timbre e imitar vozes humanas.
 Assim como outras espécies de papagaio, ele reproduz os sons que escuta devido o formato do seu bico e a um órgão chamado seringe.
Parece uma boa companhia? Prepare-se no entanto, para ouvi-lo por muito tempo, esse papagaio vive até setenta anos.


I) O texto acima tem como tema 
(A) a reprodução do som humano 
(B) as aventuras de um papagaio falante
(C) a solidão humana e suas consequências 
(D)a descrição da ave mais falante da terra.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

2) Leia o texto

Você conhece alguma festa popular? 

O Carnaval, é claro! 
Mas você sabe há quanto tempo existem festas como o Carnaval? 
Os povos das antigas civilizações faziam festas para homenagear seus deuses e 
agradeciam à natureza pelo alimento que colhiam da terra. 
Essas festas foram transmitidas de pais para filhos até os dias de hoje. 
Elas mostram o jeito de ser de cada povo, suas tradições e sua cultura. 
No Brasil, as tradições portuguesas uniram-se à dança indígena e ao batuque 
africano. 
 O Maracatu tem trajes e danças que lembram os antigos guerreiros e a festa do divino 
de origem portuguesa, tem danças folclóricas de origem africana. 
 Danças como a Congada e o Moçambique vieram da cultura africana. 
 O Cateretê e os Caboclinhos são danças de origem indígena. 
 Festas como Bumba-meu-Boi narram lendas por meio de dança. 
 E a Cavalhada narra a história de antigas lutas. Parece um teatro ao ar livre, sempre 
com roupas muito coloridas e máscaras curiosas. 
 Em dezembro, a folia de reis celebra o nascimento do menino Jesus. 
 E na virada do ano a rainha do mar, Iemanjá, é homenageada nas águas do oceano. 
 São muitas as festas populares. Com elas aprendemos uma porção de coisas... 
histórias, lendas, comidas típicas, músicas e artesanatos. 
  Conhecer as festas populares é conhecer o seu próprio povo. 
Abre alas que eu quero passar



 II) O tema principal abordado no texto ao lado refere-se às 
(A)  festas de homenagem aos deuses. 
(B) festas populares brasileiras. 
(C)  antigas civilizações. 
(D)  danças dos antigos guerreiros. 

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
3) Leia o texto

“Por que economizar água?” 
          Hoje, todos lá em casa tentam economizar água.  
          Antes, a gente desperdiçava esse líquido  precioso – até que veio o 
racionamento. 
          Costumávamos tomar banho demorado todos os dias, as torneiras ficavam 
sempre abertas enquanto a gente lavava a louça, ou quando escovava os dentes. 
         Um dia, eu lavava a bicicleta no quintal,  quando minha vizinha Clara se 
aproximou... 
         Clara lembrou que não tinha chovido muito ultimamente. 
         Agora, todo mundo deveria economizar água.
 Clara disse que, se continuasse o desperdício, a água acabaria... 

Trecho retirado do livro: GREEN, Jen. “Por que economizar água?” São Paulo,Editora Sipione, 2004 

III) O texto que você leu fala sobre a necessidade de :
(A) economizar água todos os dias. 
(B) manter a bicicleta no quintal. 
(C) evitar banhos demorados. 
(D) lavar louças diariamente. 

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
4)Leia o texto
Por que o galo canta? 
Com as primeiras luzes do dia, o galinheiro se ilumina e o galo abre os olhos, 
sentindo uma grande vontade de gritar. E gritar, lançando um sonoro cocoricóóóóó! 
Ele nem pensa que seu canto incomoda o Zequinha, que é um dorminhoco, o 
Seu Manuel, que é padeiro e passou a noite toda trabalhando, ou a Dona Tina, que 
não dormiu por causa do bebê.  
Ele canta porque seu instinto lhe diz que deve cantar. 
Sua missão é acordar as galinhas e dizer a elas: 
“Levantem, suas preguiçosas. O dia está começando e vocês precisam botar os 
ovos!” 
REVIEJO, Carlos. O porquê das coisas. São Paulo, Editora Girasol,  

IV) Ao analisar o título do texto “Por que o galo canta?” concluímos que o assunto 
principal do texto é a explicação do porquê 
    (A) as pessoas dormem. 
    (B) o dorminhoco dorme tanto. 
    (C) o galo canta. 
    (D) a galinha bota ovo.   

Nenhum comentário:

Postar um comentário